Museu Nacional - UFRJ

 Eupetomena macroura

 


 

Nome científico: Eupetomena macroura  

Família: Trochilidae

Distribuição: É o mais comum em quase todo o Brasil, tem fama de ser territorialista, isto é, defende
um território de outras aves quando este apresenta abundância de alimento. 

Nome popular: Beija-flor-tesoura.

Características: Apresentar cauda em forma de tesoura e seu corpo, pescoço e dorso possuem cor de tom azul profundo e o resto da plumagem verde-escura. Reproduz-se entre os meses de Janeiro e Fevereiro, onde o macho faz a corte em pleno voo de modo que a fêmea possa observá-lo e posteriormente realiza voo em ziguezague, entre rasantes até o momento da cópula. Alimenta-se de néctar extraído das flores e também de pequenos insetos. 

Etimologia:Seu nome de origem grega significa: eu = divindade, deus; e petonemos = sempre sustentado pelas asas, voando; e do grego makros= longo, comprido; e ouros, oura = cauda ⇒ divindade sustentada pelas asas e que tem a cauda longa ou ave divina com a cauda longa que está sempre voando.

Tamanho: 15 cm



 

Voltar ao Topo


Localização

Quinta da Boa Vista, São Cristóvão

Rio de Janeiro - RJ

CEP: 20940-040

(Veja no Google)

Expediente

As exposições do Museu

estão abertas de terça-feira a domingo.

Clique abaixo para detalhes do horário.

(Ver horários)

Contato

Informações: museu@mn.ufrj.br

Direção: falecomdiretor@mn.ufrj.br

Assessoria de Imprensa: imprensa@mn.ufrj.br

Visitas em Grupo: agendamento.nap@mn.ufrj.br

Copyright © Museu Nacional/UFRJ

WEBDESIGNER: Jenyfer Lima