Museu Nacional - UFRJ

Alpinia zerumbet

  

Alpinia

 

Nome científico: Alpinia zerumbet (Pers.) B.L.Burtt & R.M.Sm.

Família: Zingiberaceae

Nomes populares: Alpínia, Azucena-de-porcelana, Cana-do-brejo, Cana-do-mato, Cardamomo, Cardamomo-do-mato, Cardamomo-falso, Colônia, Cuité-açu, Falso-cardamomo, Flor-do-paraíso, Gengibre-concha, Helicondia, Lírio-de-santo-antônio, Louro-de-baiano, Jardineira, Macaçá, Macassá, Noz-moscada, Pacová, Paco-seroca e Vindi-caá.

Origem: Ásia.

Altura média: 1,8 a 2,4 m.

Características morfológicas: O caule é um rizoma subterrâneo e apresentam um pseudocaule aéreo curto formado pelos pedicelos das folhas que são verde-brilhantes, longas e espessas. As inflorescências são cachos pendentes com muitas flores branco-rosadas, com aroma suave e agradável. Possui fruto do tipo cápsula globosa com muitas sementes.

Utilidades econômicas: É usada como ornamental.

Propriedades medicinais: Possui atividade antimicrobiana, anti-stress, bloqueadora neuromuscular, calmante, depressora do sistema nervoso central, hipotensiva, de inibição da musculatura lisa, de purificação sanguínea, de relaxamento muscular, de inibição da atividade da proteína kinase e da fosfodiesterase nucleotídeo cíclica (controla a patofisiologia das doenças coronarianas, que envolve fluxo sanguíneo e vasoconstrição), sedativa, tônica, vermífuga e tem um leve efeito diurético.

No Horto: Existem dois agrupamentos. Foi observado apenas pequenas abelhas do gênero Plebeya visitando as flores para retirar pólen.

 

Voltar ao Topo


Localização

Quinta da Boa Vista, São Cristóvão

Rio de Janeiro - RJ

CEP: 20940-040

(Veja no Google)

Expediente

Nossas exposições estão fechadas ao

público por tempo indeterminado em

virtude do incêndio que destruiu

grande parte de nossas coleções.

Contato

Informações: museu@mn.ufrj.br

Direção: falecomdiretor@mn.ufrj.br

Assessoria de Imprensa: imprensa@mn.ufrj.br

Visitas em Grupo: agendamento.nap@mn.ufrj.br

Copyright © Museu Nacional/UFRJ

WEBDESIGNER: Yuri Guerreiro